Sigua-nos por E-mail

quarta-feira, 21 de junho de 2017

"Meu Malvado Preferido 3"

O encontro de dois irmãos gêmeos que foram separados quando nasceram, com certeza vai ser muito divertido..........


“Quem sou eu? “


Você não me conhece, não sabe pelo o que eu passei. Sou jovem sim, e daí? Isso quer dizer que sou um tolo que não entende nada da vida? Quem é você pra definir o que eu sinto? Eu estou cansado de me ferrar tanto na vida, passar por coisas que as vezes nem eu acredito que passei, e ainda ter que ouvir gente como você dizer que eu estou fazendo drama e não sei nada sobre a vida. Você não imagina quantas vezes eu coloquei um sorriso que não era meu no rosto  escondendo a minha dor. Você não tem ideia de quantas vezes eu segurei o mundo dos outros e deixei o meu cair. Mas não me entenda mal, não estou me vitimizando. Eu sei que a vida é difícil, e isso é só o começo dos grandes desafios que estão por vir. Mas você não sabe quem eu sou, pelo o que eu passei e do que sou capaz. Então não me julgue sem antes ouvir a minha história. Carrego um coração pesado, mas minha alma é leve. De mim, cada um recebe o que merece. Sou um bom homem, muito leal aos que amo. Mas minha ingenuidade é inexistente. Posso ser sádico e cruel com aqueles que machucam a mim e meus amigos. Não sou perfeito, sou justo. Sou capaz de fazer qualquer coisa por amor. Sempre tive uma alma caridosa, ajudava a todos, aconselhava muitas pessoas. Ainda o faço, mas a vida me ensinou que não são todos os que merecem minha bondade. Já fui esfaqueado pelas costas, traído, maltratado, injustiçado. Mas nunca amedrontado. Aprendi a ser forte. Ainda sou sensível, mas minha determinação não falha. Sei que meus dias de glória vão chegar, mas enquanto isso, sobrevivo firme e forte pelos dias de luta. Eu sei quem eu sou. Quem é você?


Jean Pacheco

“O Verdadeiro Desafio da Baleia” (ALERTA)


Eu fiquei sabendo recentemente,
Que jovens estão tirando a vida regularmente,
Por causa de um jogo do presente
Colocarei aqui o que penso sinceramente,
E o quanto é imprudente o que está ocorrendo ultimamente.

Os jovens estão muito frágeis,
Os das décadas passadas eram mais ágeis
Hoje uma palavra pode fazer alguém se cortar,
Hoje uma ofensa pode fazer alguém se matar
Penso que, se alguém está com problemas,
Que ela procure ajuda, que não se contenha,
Pois, tirar a vida, é também tirar parte da família
Será que a mãe não ficará extremamente abatida?
E o pai? Que após a fatalidade,
Passará todo dia pelo quarto de sua querida, mas falecida, filha
Se ela sofria, tudo acabou naquele dia,
Mas e sua família? Como continuará sem ela em suas vidas?

Olhar o retrato do garoto risonho,
E brincar com ele, acordar e perceber que tudo era apenas um sonho
Não terá mais sentido os sacrifícios cometidos pelos pais,
Já que nunca mais ouvirão o seu filho,
Jamais poderão olhar para o álbum de família sem chorar
E este é o desafio da baleia que os filhos não sabem,
No fim eles se vão, mas o que eles fazem,
Acabam com o coração de seus amados pais,
Que irão procurar todo dia, por toda a casa,
Onde estão aqueles que se foram.

quinta-feira, 30 de março de 2017

A vida...





"Aquele momento que você para e pensa, que que eu to fazendo da vida, será que me formei na área certa, pois recentemente descobri que daria uma ótima advogada se seguisse o ramo, mas não uma simples advogada mas sim aquela que convence que o bandido é inocente e o morto é o culpado, confesso que tenho medo desse lado meu que descobri recentemente pois esse lado maquiavélico e é complicado, mas também descobri que daria uma ótima detetive talvez seja pelo fato de ter me formado em SI ou ter um livro chamado "Universidade Hacker" vai entender, mas como sou meio louca estou aperfeiçoando esse meu lado e estou fazendo cursos de detetive e perito digital, talvez seja falta de ter o que fazer, vai entender, não me contentando com isso resolvi me aperfeiçoar em mecânica já sei cada probleminha que meu bebê da e o que falar pro médico dele, parte elétrica dele também não é problema é como dizem carro de mulher você acha de tudo no meu acha mesmo, o essencial, óleo de freio, óleo de motor, água, papel, tudo que ele precisa ele tem, sem contar que aprendi a limpar o corta fogo é uma coisa muito legal de se fazer, é talvez eu esteja perdida em meio a minha profissão, já que a área que eu estudei abrange muitas coisas, talvez meu carro forte mesmo seja Marketing pois taí uma coisa que eu sei fazer bem, pois criei uma marca que ficou na boca do povo no ápice da loucura que foi o meu TCC, isso não é pra qualquer um, mas fazer o que né marketing é assim, você faz as pessoas acreditarem no que você quer que elas acreditem, sem dúvidas marketing é fascinante, é talvez eu siga esse ramo porque sem dúvidas foi amor à primeira vista, pois não adianta você gostar do que faz, você tem que amar aquilo que você faz, e eu amo pegar aquilo que não é nada e transformar em algo.

É realmente eu não escolhi a profissão errada podem falar o que quiserem, fiz técnico em web e lá peguei gosto por marketing, na faculdade tive a confirmação disso, então não preciso de pessoas me julgando pelo meu jeito de levar a vida, gosto de aprender coisas nova tudo que faço faço com gosto, se tiver que aprender coisas novas vou aprender porque a vida é assim, você não pode ficar parado, em 1 ano e 3 meses que estive parada tive muito tempo para refletir sobre a vida, cai em depressão ao ponto de não querer ver ninguém, por me sentir inferior aos outros, por deixar que o preconceito dos outros abalasse o meu jeito de ser, se escolhi uma profissão que é de homem é porque me apaixonei por ela, não porque eu seja lésbica como muitos pensam, pois eu não sou, sou apenas uma pessoa discreta.
Mas é o  que dizem quem tem luz própria incomoda não tenho culpa de incomodar muito e a respeito da minha sexualidade ninguém tem nada haver com isso, e se forem dar ouvidos vão ficar loucos, pois uma hora falam que sou lésbica, outra que eu sou biscate, já nem dou mas ouvido para o que esse povo fala, eu sei o que sou, quem eu sou e que eu gosto de homens, e depois de um tempo você deixa de dar ouvido a uma sociedade medíocre, hipócrita  e machista.

Mas resumindo tudo isso não se deixe levar pelo que os outros falam, a vida é complicada sim, não é fácil, você vai ter muitos momentos de incertezas sim, mas a vida é assim, no meu caso eu deixei as pessoas falarem que eu passei os últimos 22 anos estudando ato, e eu acreditei nisso, então eu cai, não faça o eu fiz, pois eu tive ajuda para sair do buraco que me meti, talvez você não tenha, pois a gente acha vários que nos empurraram no buraco, mas poucos nos tiraram de lá."  


Por: Jennifer Pereira de Almeida

Escrito no dia 30/03/2017.

sábado, 18 de março de 2017

Não me peça pra mudar...



"Não me peça pra mudar... Eu sou assim, metade menina metade mulher, metade sonho e a outra metade o que poderia ser além de sonho? 

Sou pura sensibilidade, poesia em prosa ou em verso, sou esse universo de pieguice literária. Sou a falta de vergonha de dizer quem sou. Sou impulsiva. Quando falo, falo muito, quando irrito querem me matar... Quando não o querem, me amam! Sou essa potencialização de sentimentos. Hora explodo para não implodir, hora nada detono. Sou intensa. Tudo quero muito quando quero... Quando não gosto, desprezo. Quando amo, amo MUITO.

Não me peça pra mudar... Eu sou assim, metade grande e a outra metade? Crescendo! 

Sou completamente destemida, não penso duas vezes quando quero colo, peço! Sou contrária a certas regras impostas onde fortes são os que não se curvam. Sou flexível. Irremediavelmente pronta a ceder. Sou frágil, quebro a toa, mas sou teimosa, me conserto, remendo, emendo, colo, costuro... Sou criativa! 

Não me peça pra mudar... Eu sou assim" 


Por: Vivianne Barreto.

Uma vez me disseram que sou forte...



"Uma vez me disseram que sou forte, e parei pra pensar quando foi que eu decidi que ia ser assim. Nem reparei o momento em que blindei meu coração e determinei que certas coisas não o atingiriam mais, só sei que o fiz. E já passei por situações tão terríveis que quis morrer, mas suportei, me concentrando na ideia de que a dor sempre passa. E embora leve essa força aqui, a fragilidade a acompanha. Sou forte, mas choro. Não preciso esconder o que sinto, embora pareça mais seguro. Porque eu penso que a gente deve tentar, deve ir. Quem não vai não sente, não vive. Decidi: forte é quem não se esconde. Quem encara. Se já quebrei a cara por isso? Várias vezes. Mas acredito. Sempre! Não uma Fé cega, mas Esperançosa. Porque dentro de mim há sempre aquela mania de acreditar que todo mundo tem um lado bom. “Tem que ter algo bom, essa pessoa não pode ser essa merda toda”. Pode parecer loucura, mas eu penso com o coração. E coração não pensa. Quando vê, já foi. Já fui." 

Por: Autor Desconhecido.

Não é triste o fim do amor?



“Lucia disse que amava Pedro. 3 meses depois percebeu que era só atração. Mariana declarou amor á Lucas e disse “foi Deus quem me deu você”. 6 meses depois o namoro acabou e ela disse que foi “livramento de Deus”. Rafael mandou flores á Vanessa e prometeu ama-la pra sempre. 8 meses depois sentiu que o sentimento se esvaiu pois Vanessa não correspondia á todas as suas expectativas. Jonas, casado há 5 anos com Marta, que havia declarado o famoso “até que a morte nos separe”, pediu divórcio pois não aguentava mais o jeito da mulher. Não é triste o fim do amor? Não. O amor só termina quando nunca começou.” 

Por: A menina e o violão.